quinta-feira, julho 21, 2011

Casa da Passarela Vinhas Velhas 2008

Estou com enormes saudades. Está difícil controlar as emoções. Andei para trás e para a frente, num corrupio sem sentido, sem saber para onde ir. A ansiedade é grande, desesperante, quase dilacerante. Tenho saudades do Dão!

Abri uma botelha, botei no copo o vinho, e embrenhei-me em pensamentos, em sonhos, em mundos alternativos. Gota a gota foram caindo pelo corpo pedaços de memórias, de coisas que souberam bem. Lágrimas, alegria e saudosismo. Olhei para trás, desliguei a luz e cerrei os olhos.

5 comentários:

Patrícia S disse...

O Dão é apaixonante... O remédio é voltar, reencontrar e descobrir novas emoções do que se faz por cá.

paulo disse...

Entranha-se na alma o Dão!! Sente-se a vida....Aparece por cá!! Um abraço amigo

enrice disse...

Caro Pingus Vinicus
Sou seguidor do seu blog à algum tempo e para além de partilharmos o gosto pelo vinho, tenho verificado que apresenta muitos vinhos da região de onde sou natural (mais km, menos km. Ironicamente neste momento habito em Santar, ´Fiz estágio profissional em V. N. Tázem etc etc.
Apareça por cá que existem sempre coisas novas para descobrir. esta Casa de Passarela é uma delas. Já olhei algumas vezes para a garrafa mas ainda continua na garrafeira do supermercado.
boas provas
henrique fernandes

Pingus Vinicus disse...

Estimados, eu assumi nestas coisas, como em outras, o que gosto e o que não gosto. Talhei este caminho há muito tempo. Não percebo o pudor despropositado, que existe nos meandros da i-enoflia. Em alguns casos parecem o velho Octávio Machado, ficando-se apenas por: "Vocês sabem o que eu digo ou de quem eu vou falar!" Fica-se à espera, mas não sai nada.

Enrice, sou um homem com sangue dessas bandas.

Paulo, irei aí sim senhor.

Raul Carvalho disse...

Olá Pingus...

Desde já, te convido a provar os vinhos da Adega Cooperativa de Penalva... Espero por uma resposta ao convite... marca o dia e a hora!

Abraço
Raul Carvalho
winesensations@hotmail.com