sábado, fevereiro 18, 2017

Malta, isto está bem esgalhado!

Malta, olhem que esta coisa está bem esgalhada. Bem curtida, que dá um prazer do caraças a ser bebida. Não é madurão, não é chato. Alegre, jovial, profundamente vegetal e com a dose certa de frescura. Quase nos faz pensar que também somos, ainda, jovens. Sim senhor.



Daqueles vinhos que vão com tudo e mais alguma coisa. Não é um alentejano típico, ufa, que nos adormece. Pelo contrário, diverte-nos. Um feliz regresso aos vinhos do Joaquim.

Sem comentários: